02/10/2022 às 12:24

Medicina no Paraguai: tudo que você precisa saber

9
3min de leitura

Já passou pela sua cabeça estudar Medicina no Paraguai? Esta é a solução encontrada por muitos jovens e adultos que sonham em se tornar profissionais da área, mas não têm como arcar com os custos de uma universidade privada no Brasil, que costumam ser bastante elevados nessa graduação. Além disso, o curso de Medicina costuma figurar entre os mais concorridos do nosso País, o que acaba atraindo estudantes para o nosso vizinho Paraguai.


Fronteira com o Brasil, a Argentina e a Bolívia, o Paraguai costuma receber muitos brasileiros todos os anos, seja para turismo, trabalho ou estudo. A Ponte Internacional da Amizade liga Foz do Iguaçu, no Paraná - BR, e Ciudad del Este, no Paraguai, e o país ainda pode ser facilmente acessado por brasileiros por meio da Fronteira entre Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul, e Pedro Juan Caballero.


Esse fácil acesso também atrai muitas pessoas que buscam por um ensino de qualidade com um custo baixo. A seguir apresentamos as vantagens e desvantagens de estudar Medicina no Paraguai, e também damos dicas para quem quer viver essa experiência. Boa leitura!


As vantagens de estudar Medicina no Paraguai



A primeira grande vantagem de estudar Medicina no Paraguai é o preço das mensalidades das universidades no país. Enquanto no Brasil é difícil encontrarmos uma faculdade de Medicina com mensalidade inferior a 5 mil reais, por exemplo, no Paraguai estima-se que um estudante precise desembolsar semestralmente cerca de 2 mil reais (base nos valores do ano de 2020).


No Paraguai, as universidades públicas são pagas, exceto para alunos com vulnerabilidade econômica ou que estudaram em escolas públicas paraguaias. Porém nestas, as mensalidades podem ser ainda mais baratas que nas particulares. Isso acontece porquê o real é mais valorizado que o guarani, moeda paraguaia, então ao convertermos os valores, nós brasileiros acabamos economizando.


Soma-se a isso o fato do custo de vida no Paraguai ser mais baixo que no Brasil. Um dos países mais baratos da América Latina, nosso vizinho Paraguai costuma ser cerca de 19% mais barato. De acordo com a Expatistan, uma única pessoa gasta cerca de 4 mil reais mensais para viver bem na capital Assunção, 30% menos do que é preciso para a cidade de São Paulo.


Outro ponto positivo de estudar no Paraguai é a proximidade entre o nosso idioma e o espanhol. Embora não tenham significados semelhantes para as mesmas palavras, é mais fácil para os brasileiros entenderem o espanhol do que o inglês, por exemplo. Além disso, por ser um país vizinho do Brasil, o nosso português também costuma ser entendido por lá.


O Paraguai ainda chama a atenção por oferecer maior facilidade para o ingresso no curso de Medicina. Algumas faculdades realizam processo seletivos, mas muitas instituições de ensino do país não exigem vestibular, e há casos onde basta o interessado fazer um curso preparatório na própria faculdade ou universidade para ser admitido nela.


Entretanto, assim como no Brasil, há concorrência, porém o critério de admissão é a ordem de chegada, sendo assim, quem se inscreve primeiro tem mais chances de conseguir uma vaga no curso.


02 Out 2022

Medicina no Paraguai: tudo que você precisa saber

Comentar
Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Copiar URL
Logo do Whatsapp